O Free Fire Worlds Series é o campeonato Mundial de Free Fire organizado pela Garena. O torneio, que sua primeira edição em abril de 2019, acontece duas vezes por ano. Quem ganhou o Mundial de Free Fire em sua primeira etapa, disputada na Tailândia, foi a EVOS Capital. A segunda edição ocorreu em novembro, no Rio de Janeiro, e teve o Corinthians como ganhador da final em uma tabela formada por 12 times, levando a maior fatia do prêmio total de US$ 400 mil (cerca de R$ 1,7 milhão na época).

Este ano, o Mundial de Free Fire 2020 será substituído pelo Free Fire Continental Series (FFCS) devido às medidas de distanciamento causadas pela pandemia do coronavírus (Covid-19). A competição tem início no dia 21 de novembro de 2020 e as finais serão no dia 28 e 29 do mesmo mês. Serão três torneios dividos por regiões – Americas Series, Asia Series e EMEA Series (África, Europa e Rússia). A premiação total será de R$ US$ 300 mil (cerca de R$ 1,6 milhão) para cada região. Ainda não foram anunciadas as formas de classificação para o Free Fire Continental Series, mas a expectativa é de que os melhores times da terceira etapa da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF) obtenham as vagas.

Primeira edição

O torneio de estreia foi disputado no dia 6 de abril em Bangkok, na Tailândia, sob a alcunha de Free Fire World Cup. Classificaram-se para o campeonato as 12 melhores organizações do cenário, divididas em nove regiões: GPS Veteranos e RED Canids (Brasil), PinkLady (Índia), WAG (Vietnã), Anáhuac Esports (Latam Norte), Team Teka (Latam Sul), EVOS Capital e SFI ZET HADES (Indonésia), Top (Taiwan), TEREM (Europa) TekaCRM e SPS e-Sport Team (Tailândia).

GPS Veteranos e RED Canids (antiga Tropa M3C) representaram o Brasil. A Matilha não encaixou boas performances e terminou a campanha na 10ª posição enquanto os Veteranos chegaram à última rodada com chances reais de título, finalizando a competição em 5º lugar. O troféu não foi levantado, mas o servidor brasileiro encontrou motivos para comemorar: Ariano ”Kronos”, da GPS, foi eleito o MVP do evento e faturou US$ 2 mil (cerca de R$ 8 mil) em bonificações individuais.

O título ficou para a EVOS Capital. Após sete quedas realizadas nos mapas Purgatório e Bermuda, a representante da Indonesia garantiu a primeira colocação com 1695 pontos acumulados. SPS e-Sport Team, da Tailândia, e SFO ZET HADES, também da Indonésia, fecharam o pódio. A Garena distribuiu US$ 100 mil (R$ 384 mil) em premiações, sendo US$ 50 mil (R$ 192 mil) destinado ao campeão.

Times participantes

GPS Veteranos
RED Canids
PinkLady
WAG
Anáhuac Esports
Team Teka
EVOS Capital
SFI ZET HADES
Top
TEREM
TekaCRM
SPS e-Sport Team

Segunda edição

A segunda temporada foi rebatizada de Free Fire World Series e será disputada no dia 16 de novembro na Arena Carioca 1 no Parque Olímpico da Barra no Rio de Janeiro. O campeonato distribuirá US$ 400 mil (cerca de R$ 1,6 milhão em conversão atual) em prêmios e contará com show de abertura do DJ Alok.

12 equipes de 11 regiões do cenário competitivo disputarão o título. Alguns participantes já estão definidos. São eles: Illuminate e Sbornaya ChR (Tailândia), Dranix Sports (Indonésia), Team Flash (Vietnã), ARCTIC GAMING (México), LGDS (China), INFINITY ESPORTS MOBILE (Costa Rica), Samurai Team (Argentina), NAWABZADE (Índia) e INFINITY_YT (Oriente Médio).

Os dois representantes brasileiros FORAM definidos na Free Fire Pro League Brasil 2019 Season 3. Corinthians e LOUD foram campeão e vice-campeão, respectivamente,e garantiram suas vagas no Mundial do Battle Royale.

1 Comment

  • free fire news 2
    Posted 6 de setembro de 2020 01:07 0Likes

    Parabéns pelo post, muito bom mesmo, voltarei mais vezes no seu site, vlw.

Deixe um comentário