Free Fire é um jogo do gênero Battle Royale disponível para download em dispositivos Android e iPhone (iOS), além do PC por meio dos emuladores BlueStacks, LD Player e MSI App Player. O objetivo do título da Garena é ser o último sobrevivente de uma região remota com 50 inimigos espalhados por todos os locais. Entretanto, para conseguir chegar ao final e garantir a vitória, é necessário ter uma boa tática e estratégia no campo de batalha. Confira, a seguir, as melhores dicas para jogadores iniciantes em todas as plataformas.

Ajuste a sensibilidade

A sensibilidade é um recurso que permite ajustar a velocidade de movimentação das miras disponíveis no Free Fire – no caso, red dot, 2x, 4x e AWM. Portanto, é fundamental descobrir quais valores de sensibilidade se adequam ao seu estilo de jogo. Copiar valores de outros players pode afetar negativamente seu desempenho no campo de batalha.

Ajuste os valores da sensibilidade da mira nas configurações do Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Ajuste os valores da sensibilidade da mira nas configurações do Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Os jogadores iniciantes podem descobrir a sensibilidade correta para seu estilo de jogo no modo “Ilha de treinamento”, por exemplo. Nele, é possível usar todas as armas disponíveis no jogo com munição infinita contra inimigos, além de ter a possibilidade de reviver rapidamente todas as vezes que for abatido. Vale ressaltar que em dispositivos básicos com 2 GM memória RAM é indicado que mantenha sensibilidade no máximo.

Selecione os personagens ideais

Escolher o personagem ideal para seu tipo de jogo também pode influenciar no desempenho das partidas. O jogo da Garena possui um vasto catálogo de personagens. Cada um possui uma habilidade principal, mas também é possível equipar mais três habilidades secundárias de outros personagens. Atualmente, os principais que estão no metagaming do Battle Royale são:

  • Alok: aumenta a velocidade e recupera HP dos companheiros próximos;
  • Kelly: aumenta a velocidade de corrida;
  • Paloma: transporta munições de AR sem ocupar espaço na mochila;
  • Hayato: quanto menor sua vida, maior a penetração dos disparos;
  • Moco: marca os inimigos por alguns segundos após atirar neles;
  • Andrew: diminui a perda da durabilidade do colete.

 

Alok é um dos personagens mais usados no Free Fire, junto com a Kelly e Andrew — Foto: Divulgação/Garena

Alok é um dos personagens mais usados no Free Fire, junto com a Kelly e Andrew — Foto: Divulgação/Garena

Escolha bem as armas

Assim como em PlayerUnknown’s Battlegrounds (PUBG), o Free Fire possui uma grande variedade de armas à disposição dos jogadores. Atualmente, é possível encontrar pistolas, escopetas, submetralhadoras, rifles de assaltos, sniper e lançadores. O jogo tem três slots para armas. Os dois primeiros podem ser ocupados por qualquer tipo de arma, enquanto o terceiro é reservado exclusivamente para pistolas.

É recomendável usar armas de curta distância e longa, como submetralhadora e rifles de assaltos, respectivamente — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

É recomendável usar armas de curta distância e longa, como submetralhadora e rifles de assaltos, respectivamente — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

O indicado é que o jogador tenha uma arma para combate de longo alcance (como snipers e rifles de assalto) e outra de curta distância (como submetralhadoras). Saber selecionar a arma correta para seu tipo de jogo é a premissa para garantir o booyah!.

Escolha local seguro para aterrissagem

Jogadores iniciantes são alvo fácil para os jogadores mais experientes. Por isso, é necessário que os recém-chegados no Battle Royale tenha estilo de jogo mais defensivo. Tente escolher local de aterrissagem seguro para garantir sua chance de sobrevivência e lotear tranquilamente, sem ser atrapalhado por adversários. Vale lembrar que pousar em regiões próximas a linha do avião pode levá-lo para zona quente do mapa, onde tem uma maior quantidade de jogadores logo no início.

Escolha local distante da linha do avião para evitar combates no início da partida — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Escolha local distante da linha do avião para evitar combates no início da partida — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Pegue cover em confrontos em campo aberto

Os mapas Purgatório e Kalahari favorecem o combate devido à proeminência de campo aberto. Entrar em confronto com inimigos nesse cenário pode ser fatal e desfalcar o squad ou duo. Nessas condições, as árvores, carros e construções podem ser grandes aliados para evitar o abate. Além deles, a granada de gel é outro item indicado para escapar dos tiros inimigos.

A granada de gelo é um grande aliado nos confrontos em campo aberto no Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

A granada de gelo é um grande aliado nos confrontos em campo aberto no Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Como existe quantidade limitada de granada de gel no campo de batalha, o pet Dom Pisante pode ser a solução. Sua habilidade é dropar granadas de gel a cada 120 segundos no nível 2, sendo que o tempo é diminuído para 100 e 80 segundos nos níveis 2 e 3, respectivamente.

Evite airdrops

Os airdrops são caixas distribuídas por aviões nos mapas de Bermuda, Purgatório e Kalahari. Essas caixas podem ser mão na roda para jogadores com pouca quantidade de loots. Nos drops, é possível coletar colete, armas, silenciador, arbusto killer e granada de gel. Entretanto, essas caixas podem criar condições para que o inimigo abata o player desprevenido. Caso queira garantir a vitória, evite esses airdrops.

Evite airdrops para não ser abatido desprevenidamente no Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Evite airdrops para não ser abatido desprevenidamente no Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Fique atento aos sons

Escutar os sons dos passos e tiros é essencial para saber precisamente o local do inimigo. Desta forma, o jogador pode surpreendê-lo e garantir o abate. O Free Fire possui som direcional, por isso o recomendável é usar fones de ouvido. Nas configurações, é possível ajustar o volume do som, inclusive dos efeitos sonoros – que corresponde a sons de passos, tiros, automóveis, tirolesa e airdrops.

Nas configurações, é possível aumentar os efeitos sonoros dos passos e tiros no Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Nas configurações, é possível aumentar os efeitos sonoros dos passos e tiros no Free Fire — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Deixe um comentário